Curtas & Finas
Bolsa cheia
5/6/2015
Serão destinados R$ 4,1 bilhões para o agronegócio café na safra 2015/16, volume 8% superior em relação à temporada passada. Os juros também subiram, serão entre 8,75% a 10,5%, dependendo da linha escolhida. A maior parte dos recursos será destinada para a estocagem, R$ 1,5 bilhão, e para o custeio, R$ 950 milhões. Também haverá dinheiro para a aquisição do produto; para operações no mercado de derivativos; para recuperação de cafezais; e, para capital de giro para as indústrias de café solúvel e torrefações.
Mais dinheiro
5/6/2015
Apesar de mais caro devido à taxa de juros mais altas, o setor agropecuário terá R$ 187,7 bilhões para financiar a safra 2015/16, 20% superior à safra anterior. O custo do dinheiro ficou mais caro também, as taxas de juros variam de 8,75% a 10%, mas se levar em conta a inflação esperada para esse ano, algo próximo de 10%, praticamente os juros serão negativos.
Balaio carregado
5/6/2015
De acordo com estudo do Instituto de Economia Agrícola, IEA, órgão ligado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, a safra mundial 2015/16 de soja será de 317,3 milhões de toneladas. “Ainda que o processamento cresça 4,6% e se situe em 266,2 milhões de toneladas, o estoque mantém a tendência crescente e deve alcançar 96,2 milhões de toneladas, o mais elevado dos últimos anos”, ressalta Marisa Zeferino Barbosa, pesquisadora do IEA.
Oferta abundante...
5/6/2015
Com relação aos estoques, eles crescerão, segundo o IEA, 280% nos Estados Unidos da América, 51% no Brasil e 23% na Argentina. Portanto, toda atenção e planejamento será necessário para comercializar a safra de verão que será cultivada a partir de setembro no hemisfério Sul. Não é demais lembrar que os produtores argentinos, em briga interminável com o governo federal de Cristina Kirchner, mantêm soja estocada como ativo financeiro.
Babel tupiniquim
25/5/2015
Já faz uma semana que esse fato ocorreu, mas não resisto, vou comentar. Acreditem ou não, durante a visita do primeiro ministro chinês ao Brasil deram uma recepção para empresários daquele país e brasileiros. Tudo certo. Só que faltaram intérpretes, de um lado ficaram os brasileiros cheios de cartões de visitas e do outro os chineses. Uns não falavam a língua dos outros. Devem ter sido fechados grandes negócios.
Nossa floresta
25/5/2015
27 de maio é o dia da mata Atlântica. Novos números dessa exuberante floresta serão apresentados pelos técnicos da ONG Sos Mata Atlântica. Espero que eles tragam boas notícias porque de ruins não precisamos mais.
Tudo pela saúde
25/5/2015
Em seu discurso na assembléia geral da Organização Internacional de Epizootias, OIE, realizada no último fim-de-semana, em Paris, França, a ministra Kátia Abreu, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mapa, reafirmou o compromisso “do Brasil em assegurar a excelência da sanidade animal e vegetal na produção agropecuária.”
Opinião valiosa
25/5/2015
Segundo Kátia Abreu, o Brasil passará a contribuir financeiramente com a OIE na categoria “A”, habilitando-se a ocupar um assento no Conselho Diretivo da organização. “Este status garante maior poder de negociação e representa uma cooperação importante com o maior órgão internacional de sanidade animal. A iniciativa privada garantirá o recurso de 500 mil euros ao ano,” afirmou.
Sem doença
25/5/2015
Na mesma reunião da OIE foram declarados livres da peste suína clássica tanto Santa Catarina como o Rio Grande do Sul. Bom, mas em termos de exportação desse produto esses dois estados já são responsáveis por quase 70% de toda a carne suína vendida pelo Brasil.
Para os naturebas
25/5/2015
Feira de produtos orgânicos realizada no hall do edifício anexo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mapa, visa apresentar para a população da capital federal produtos cultivados nesse sistema. É possível provar e comprar o que os expositores oferecem. Para quem gosta é um prato cheio.
   Página anterior
  Próxima página